[¤] Noite pt.1 [¤]

Chega a noite e é difícil dormir. Difícil pra mim, mas nada impossível de superar. O difícil mesmo é esperar, esperar chegar o outro dia. Pra quem sabe terminar de forma diferente.

Aparentemente estranho, mas o dia seguinte acabou diferente. Cheguei até a duvidar do que sentem as pessoas que sofrem por amor, mas essa dor que ainda assola o meu coração me fez diferenciar o que eu sinto ao que os outros sentem. O que eu sinto confundi a minha mente, me deixa inconsciente na maioria das vezes.

As pessoas à minha volta não devem sentir essa dor, essa vontade que nada nem ninguém consegue saciá. Esses pensamentos enclausurados que eu tenho certeza que ninguém pensa. Ninguém deve agir da mesma forma que eu. Ninguém é tolo o suficiente.

Na maioria das vezes eu converso comigo mesmo pra achar uma saída ou uma nova vida. Quem sabe uma nova história pra me espelhar, pra quem sabe eu chegar a algum lugar na minha vida. Pra que o meu fim não seja de um babaca, de uma pessoa amarga, uma pessoa que sofre a vida inteira e nunca acha a saída desse inferno.

Advertisements

[¤] Alegria, Tristeza, Sabedoria [¤]

Alegria é o que sinto quando te vejo, quando vejo que nada mais pode me abalar. Quando te vejo, sei que o amanhã não será o mesmo, não terei do que reclamar do dia passado. Restará a lembrança boa de ter te visto, sendo por pouco ou muito tempo.

Tristeza é o que sinto quando te vejo partindo, quando vejo que amanhã não estarei com você do meu lado e serei condenado pelo meu coração. Quando te vejo tenho medo, não de ti, mas da tua partida em seguida. Depois de um lindo dia, infelizmente não posso evitar a tua ida.

Sabedoria é o que eu ganho quando te vejo indo e vindo. Quando te vejo saindo pela porta, e voltando pela outra em outro dia, isso me causa dor e alívio ao mesmo tempo. Eu tenho medo que um dia tu não volte, e torço pra que um dia tu não saia mais daqui. Quem sabe tu entre em meu quarto e se apegue aos meus hábitos e se familiarize comigo. Eu torço pra tudo dar certo, mas espero que o que eu pense seja o correto, não quero errar, não com você. Quero ter consciência do que faço pra não errar e me julgar um fraco, estúpido, errante. Mas eu espero sem por os pés pelas mãos, aguardo com ansiedade e com pouca dor no coração. Quero que chegue logo, e que dure para sempre. Eu prefiro que demore e de tudo certo, do que venha tudo amanhã e no outro dia aconteça o que eu não quero.

[¤] Tentando não estragar tudo [¤]

Eu juro, juro que tentei superar algumas pessoas, ser melhor que outras. Tentei fazer de tudo pra não ser esquecido por não fazer sentido em sua vida. Eu queria poder ser melhor, queria poder te agradar, te fazer rir, te fazer uma pessoa feliz.

Eu sou um exemplo de uma pessoa que age de forma conveniente pra fazer contente quem eu quero bem. Gosto de tentar até esgotar as minhas forças, tento de tudo pra não chegar o fim e eu acabar fracassando, como sempre.

Minhas amizades, minhas paixões, tudo que envolve meus sentimentos mais sinceros são tudo pra mim, são a razão do meu viver. Não deixo de lado a minha família, mas o óbvio eu deixo de lado.

Essa imensidão de sentimentos que eu tenho em meu peito envolve minha cabeça deixando-a confusa e me deixando com medo. Medo de perder, de sofrer, de um dia não ter mais razões pra viver. Com vontade de fazer tudo ao mesmo tempo pra pessoa não ter tempo de me deixar sozinho. Imagino como não a deixo confusa, mas mesmo assim eu continuo, muitas vezes não percebo que acabo, assim, perdendo ela e me deixando sozinho por meus próprios erros. Infelizmente isso tudo acontece e eu não consigo mudar, pra quem sabe assim mudar o final da minha história.

[¤] Eu sinto que estou [¤]

Eu sinto que estou, eu sei que estou me intrometendo demais em tua vida. Sei que as vezes oponho tua vida a frente da minha, mas é o meu jeito, meu jeito tolo de lidar com as coisas. As coisas simples da vida. Minto, o amor é a coisa mais difícil de se lidar.

Eu tento lidar, eu sei que tento lidar com tudo que eu sinto, mas não consigo. Não consigo chegar em algum lugar. Um lugar bom. Eu sempre acabo voltando pro mesmo lugar, sem nada.

Eu vejo tudo, eu sei que vejo até demais, mas é minha forma de poder ter o que conversar, depois, mais tarde. Pra não nos perder no silêncio, aquele de sempre, aquele do passado, aquele que a partir de hoje não existe mais. Não pra ti.

Eu penso demais, eu sei que isso me faz mal, mas parar seria uma sentença de morte, seria como cortes em minha pele. Esses pensamento confusos que me surgem quando te vejo, quando te sinto, quando te ouço falar meu nome. Isso tudo se acumula, na verdade está acumulado a muito tempo, está guardado no lugar mais calmo do meu coração. Estou a anos tentando desifra-los e tudo me leva a amor. Tudo me leva a essa dor. Essa falta de você. Essa falta de amor recíproco. Essa falta de te ter ao meu lado pra sempre, sem passado, apenas pensando no nosso futuro. Enquanto eu vivo o presente, mesmo sofrendo com essa dor, eu continuo sorridente e fazendo o que for pra não te tirar da minha cabeça.

[¤] Entediado [¤]

Eu me canso, me sinto cansado. Tô a muito tempo deitado, entediado. Quando levanto parece que não sei mais caminhar. Me vejo andando, mas sem destino pra parar, pra pensar. Eu já liguei, já deixei de ligar. Eu tento me auto-ajudar, mas isso só causa dor a mim.
Eu queria poder sonhar a noite inteira, dormir a noite inteira, sem interrupções com dores das lembranças do passado isolado e sozinho. Esse meu caminho tomado a muito tempo, é um caminho sem volta que só o tempo adiante me dará respostas pra parar, pra pensar.    
Já não me sinto tão sozinho, não me sinto isolado. Eu continuo no mesmo caminho, o tempo já passou, todo tempo passou, mas não me cansei do trajeto que tomei. Na verdade foi o que de certa forma eu sonhei, um dia, uma vez.

[¤] Coração vs. Mente [¤]

Coração, quem dera fosse apenas para bombear o sangue. Além disso, ele te faz sentir outras coisas, que vai de ódio a sentimentos lindos. O coração te faz viver, e realmente, você vive sofrendo, chorando e até mesmo rindo, as vezes. Temos no nosso coração sentimentos que nem nós mesmos sabíamos que tínhamos.

A mente, inimiga do coração, faz a gente ter dúvida de tudo. Sentimos no coração um ódio imenso, mas nossa mente banha esse ódio com amor e carinho. Entre essa batalha de “coração” versos “mente” temos uma pessoa. No caso eu. Sofrendo, rindo e chorando, sentindo tudo isso ao mesmo tempo. Querendo que acabe, mas que eu não me acabe em desespero. Com medo que o ódio que eu sinto hoje, se torne amor incondicional amanhã. E vice versa. O medo faz parte da minha vida e da sua também. O medo de errar, de amar, de pedir. O medo de agir, de sucumbir, de sonhar, de te amar.

O coração e a mente sentem medo. Eles fazem nós termos dúvidas de nós mesmos por medo de nos deixar levar por uma simples pessoa, ou deixar uma pessoa única em nossas vidas de lado. Ambos tem medo de nós não enxergarmos as oportunidades que o mundo entrega à nós. Tudo que eles fazem nós sentirmos tens um propósito. Nada é em vão. O coração que hoje te faz chorar, amanhã te fará sorrir. A mente que hoje te deixa amargurado, amanhã te fará feliz. Tenha isso em mente, e em coração. Que um dia tudo vai dar certo, e o que der errado, esqueça. Insistir será em vão.